domingo, 13 de setembro de 2009

Palavras do Professor: "Ratos E Urubus Larguem A Minha Fantasia" Ou Crítica Aos Profetas Moralistas, Udenistas, Do Apocalipse Do PT.

E Vê se nos Esquece!

Por Luis Augusto Borges Leão *
Publicado em resposta ao artigo: Palavras do Professor 'A Estrela (De)Cadente do PT' postado neste blog no dia 05/09/09
Basta, cansei de ler e ouvir as profecias sobre o fim do PT, do governo Lula e coisas do gênero realizado pelos políticos aliancistas defensores do moralismo udenista do PSTU, PSOL, PPS, DEM, PSDB, PV, pelos analistas econômicos, políticos, intelectuais e pseudo-intelectuais das universidades, globais, da grande imprensa. Não aguento mais os Jôs, Diogos, meninas do Jô, Anas Marias, pais e mães de santo ,videntes, ciganos e ciganas, adivinhos e adivinhas, cartomantes, numerólogos de plantão, ratos oportunistas que debandaram nos últimos tempos motivados por uma súbita crise de moralismo pequeno burguês de base udenista. Juro que esta será minha última reflexão sobre este tipo de assunto, isto porque eu tenho mais o que fazer.
Enfim estou cansado de ler e ouvir estas profecias desses urucas, hienas, abutres, urubus entre outros carniceiros de nossa elite política e econômica composta por conservadores, neoliberais, esquerdistas, voluntaristas que são influenciados pela ética e pelo moralismo pequeno burguês de cunho udenista e que desenvolve a política denuncista do quanto pior melhor que procura impedir os avanços das classes populares. Para esta elite tudo que o governo faz é uma merda, não presta, é ruim e sem propósito.
Esta elite que nada faz nada quer, nada conta, vive em suas torres de marfim, isolada, pura e verdadeira. Únicos revolucionários que procuram compreender a realidade a partir de uma teoria, se esquecendo de que esta mesma realidade é plural e diversa, muito mais rica do que qualquer teoria ou análise sobre a realidade.
Para estes intelectuerdas a verdade liberta e revoluciona. A meu ver política é que torna a verdade revolucionária, e ela se faz com quem pensa e age diferente, e os acordos feitos expressa a correlação de forças (o grau de luta de classe) que está presente na realidade da sociedade civil. Esta elite tem uma visão tática da democracia, suas ideias têm raízes no pensamento autoritário, positivista e udenista, não duvidam, não questionam suas verdades, opiniões e para o autor do texto que motivou este texto uma frase de Lênin "para se fazer uma omelete é necessário se quebrar os ovos"
Saudações Petistas e Cutistas
LUIS AUGUSTO
* Luis Augusto é Professor das Redes Municipal e Estadual e Diretor da Coordenação de Assuntos Educacionais desta Regional.

Siga-nos pelo seu e-m@il

As 10 postagens mais acessadas

Seguidores