segunda-feira, 7 de fevereiro de 2011

Ipea afirma: gasto na educação é o que mais eleva o PIB

     O Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) do governo federal anunciou em seu Comunicado nº 75 que o gasto público na educação é o que mais eleva o PIB brasileiro. Segundo pesquisa do instituto, que utilizou dados de 2006, cada R$ 1 investido na educação tem um retorno de R$ 1,85 para o PIB. O diretor do Ipea, Jorge Abrahão, toca especificamente na questão salarial, ao dizer no site do instituto, que o gasto com educação, chamado de gasto social, “não gera apenas conhecimento. Gera economia, já que ao pagar salário a professores aumenta-se o consumo, as vendas, os valores adicionados, salários, lucros, juros”. Foram pesquisados os investimentos da União, estados e municípios.
     Este estudo comprova como os investimentos para aumentar os salários dos profissionais de educação são fundamentais em todos os níveis de governo em nosso país. O Rio vive há anos uma grave crise no setor.  Boa parte dessa crise, como o Sepe sempre denunciou, deve-se aos baixos salários. Ano passado, por exemplo, o prefeito Eduardo Paes poderia ter investido quase R$ 1 bilhão a mais nos salários dos servidores, pois tinha receita para isso. Mas ele concedeu um reajuste de pouco mais de 4%. Já a rede estadual paga a seus professores salários 4,3 vezes menor do que aqueles pagos aos professores do CAP Uerj, por exemplo.
     Este ano o sindicato está convocando as redes estadual e municipal do Rio para a primeira assembléia do ano. As assembléias se realizarão no dia 12 de fevereiro – às 10h a do estado; 14h a do município, no auditório da ACM. A categoria vai se mobilizar em torno do mote: sem valorização salarial do profissional não existe educação pública de qualidade!


Clique aqui para ler a matéria sobre a pesquisa do Ipea no site do instituto.

Siga-nos pelo seu e-m@il

As 10 postagens mais acessadas

Seguidores