quarta-feira, 29 de agosto de 2012

Dia da visibilidade lésbica: Sepe Niterói promoverá Cine-Debate na sexta-feira (dia 31/8)

Hojedia 29 de agostoé o Dia da Visibilidade LésbicaNa próxima sexta-feira (dia 31), o Sepe Niterói promoverá um Cine-Debate na sua sede para marcar a passagem da data de hoje, com a seguinte programação:

- Debate sobre a "Invisibilidade lésbica" e a questão LGBT na escola;

Reunião da Secretaria de Gênero e Combate à Homofobia, com exibição de filmes curta metragem do Kit Anti-Homofobia vetado pela presidente Dilma Roussef. O evento começará às 18h e a sede do Sepe Niterói fica na Avenida  Amaral Peixoto 450/sala 305 - Centro de Niterói).

Movimento em defesa do Iaserj fará ato nesta quarta (dia 29) em frente ao Forum

O movimento em defesa do Iaserj realiza um ato na porta do Forum Central nesta quarta-feira, das 12h às 14 com coleta de assinaturas para um abaixo-assinado e realização de um plebiscito popular sobre a ameaça de demolição do Hospital Central do órgão. O ato visa também acompanhar o pedido de liminar para sustar a demolição da unidade, que corre na Justiça e até agora não foi julgado.  

Tradicional escola de Niterói faz protesto nesta quarta-feira (dia 29 de agosto)

Liceu Nilo Peçanhauma das escolas mais tradicionais da rede estadual de educaçãorealiza amanhãdia 29, a partirdas 11h30, um protesto para denunciar o processo de esvaziamento e desestruturação que a unidade vem passando aolongo dos últimos anos. O Liceu  contou com mais de três mil alunos matriculados e, hojeapenas 1.800 estudantesestão matriculados.

Recentementesegundo orientação da Seeduc, o Liceu teve sua cantina fechada, e os alunos ficaram sem lanche.

Nos últimos três anos o Liceu  teve quatro diretores diferentes – quase todos indicados pelo governo e sem nenhumvínculo com a comunidade.

No início desse anohouve superlotação de turmas,  o que gerou grande descontentamento entre os estudantes. Oresultado é que muitos deles abandonaram a escola.

perda de alunos vem ocorrendo em toda a rede pública do estado. Segundo recentes estudos do professor do curso deEducação da UFF, Nicholas Davies, a rede estadual do Rio de Janeiro teve uma redução de 27% do número de matrículas(dados de 2009).

situação não melhorou nos anos mais recentestambém vem ocorrendo o fechamento de escolas em toda a redeestadual, Inclusive as escolas tidas como modelos que foram bonificadas estão sendo fechadas: em São Gonçalodas noveescolas que receberam a bonificaçãoquatro serão fechadas.

Em 2006, a rede estadual era composta por 1.732 escolasHoje existem 1.370 escolasSomente o governador SergioCabral fechou ou municipalizou 374 escolas em cinco anos - uma média de 74 unidades escolares fechadas por ano.

Siga-nos pelo seu e-m@il

As 10 postagens mais acessadas

Seguidores