sexta-feira, 10 de junho de 2011

Sepe realiza audiência com Risolia: não há novidade em relação ao reajuste salarial



A diretoria do Sepe realizou no dia de ontem (9/6) uma audiência com o secretário de Educação estadual, Wilson Risolia, na sede da secretaria. Anteontem (8/6) o secretário havia declarado à imprensa que "as portas do governo estavam abertas para a negociação". O sindicato, com essa declaração, reforçou o pedido de audiência para, novamente, apresentar nossas reivindicações, tendo sido atendido.

O sindicato, no entanto, reforçou a crítica de que o governo vem tratando com descaso todos os pleitos salariais desde o início do primeiro mandato de Cabral, em 2007. Os profissionais de educação declararam greve desde o dia 7 de junho e reivindicam 26% reajuste emergencial e a incorporação integral e imediata da gratificação dói Nova Escola, prevista para acontecer apenas em 2015. O Sepe estima que 60% dos profissionais estão paralisados.

Terminada a audiência do Sepe com o secretário estadual de Educação, Wilson Risolia, ele informou que não há novidade em relação às reivindicações salariais da categoria. Ele disse que somente em julho, quando "terá mais informações sobre a rede estadual", é que poderá falar alguma coisa sobre reajuste salarial.

Os profissionais de educação fazem passeata hoje (10/6) com os bombeiros até a Alerj, a partir das 13h. Na terça, haverá assembleia no Clube Municipal, às 14h, para discutir os rumos do movimento.

Escolas estaduais ameaçadas de extinção estão protestando na SEEDUC nesta tarde



Profissionais e alunos das escolas estaduais noturnas ameaçadas de fechamento pelo governo do estado estão realizando um protesto na porta da Secretaria de Estado de Educação desde o início desta tarde. Eles acompanham uma reunião que os diretores destas unidades estão tendo com o secretário de Educação estadual, Wilson Risolia.

Acesse o blog da campanha "escolas em luta" contra o fechamento

Siga-nos pelo seu e-m@il

As 10 postagens mais acessadas

Seguidores