terça-feira, 17 de novembro de 2009

Veja as deliberações da assembleia da rede municipal, realizada no dia 13 de novembro

Data: 17/11/2009
Em assembleia realizada no último dia 13 de novembro, os profissionais da rede municipal aprovaram que o sindicato realize uma paralisação de 24 horas e uma assembleia emergencial no dia da votação na Câmara de Vereadores da proposta de novo plano de carreira da SME. No dia 17 de novembro, o Sepe irá à Comissão de Educação da Câmara de Vereadores para solicitar audiência pública, assim que chegar no Legislativo o projeto de mudança do plano de carreira da educação municipal. A posição do Sepe sobre as mudanças é a de recuperar a proposta de plano de carreira unificado do sindicato, que foi entregue no último governo César Maia e distribuir cópias do documento para os vereadores, com a resposta oficial do Sepe ao novo projeto do governo.
No dia 25 de novembro, a direção do sindicato promoverá um dia unificado de corrida às escolas municipais para discutir com a categoria as propostas de novo plano de carreira e os problemas da rede.
Também foi decidido que o Sepe deve aproveitar e solicitar à SME e à Comissão de Educação da Câmara dos Vereadores os critérios objetivos e formais da aprovação/reprovação neste fim de ano letivo de 2009.
A assembléia também aprovou a realização de um Seminário de Planejamento da Capital para o dia 16 de janeiro de 2010, reunindo as direções das regionais e a direção estadual. Também foi deliberada a realização de um Encontro da Rede Municipal sobre as mudanças na matriz curricular cuja data deve ser marcada pela direção do sindicato.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Siga-nos pelo seu e-m@il

As 10 postagens mais acessadas

Seguidores